NOTÍCIAS

Fim de semana excelente para a Renault

20/10 de 2015 - 10:35

Renault Fluence cruzou a linha de chegada em primeiro lugar nas provas de sábado e domingo com o pilotos Gabriel Casagrande e Fábio Carbone

A Renault dominou a sétima etapa da Copa Petrobras de Marcas, disputada no Autódromo Internacional de Curitiba no último fim de semana (17 e 18/09). No sábado, o jovem piloto Gabriel Casagrande (C2 Team) conquistou sua quarta vitória no ano, em prova emocionante que chegou a ser dominada por três pilotos da Renault - além do próprio Casagrande, Rubens Barrichello e Fábio Carbone.

No domingo foi a vez de Fábio Carbone (Full Time Sports) subir no lugar mais alto do pódio. O piloto alcançou a primeira colocação nas primeiras voltas e, embalado, segurou a liderança até o fim a bordo do Renault Fluence de competição. Curiosamente, na penúltima etapa realizada em Campo Grande (MS) os pilotos Carbone e Casagrande também haviam vencido as provas de sábado e domingo.

1ª PROVA SÁBADO

A etapa de Curitiba se destacou pelo domínio da Renault, que dominou boa parte da prova com três carros nas três primeiras colocações. Fabio Carbone, da Full Time Sports, conquistou a pole position, mas alinhou de forma incorreta seu carro no colchete no grid, foi punido pela direção da com um drive through e acabou perdendo várias posições. Quem se beneficiou foi Gabriel Casagrande, que pulou da quarta para a primeira colocação ultrapassando inclusive Rubens Barrichello.

Durante a prova, Casagrande sofreu pressão de Barrichello, que buscava sua primeira vitória no campeonato. A disputa estava quente, quando faltando apenas seis voltas para terminar a prova um vazamento na mangueira de óleo acabou tirando Rubinho da prova. Pódio para Casagrande, que chegou à quarta vitória na temporada e é o piloto da Renault mais bem posicionado no campeonato.             

2ª PROVA DOMINGO

Na segunda prova do fim de semana o piloto Fábio Carbone saiu da segunda posição no grid de largada e, logo na segunda volta, ultrapassou o então líder da corrida, assumindo a ponta até o final e se redimindo do acontecido no dia anterior.

Vitória com um gosto ótimo. Ontem larguei na pole e cometi um erro infantil (ao posicionar o carro fora do colchete no grid) e acabei tomando um drive-through à toa. Mas acho que hoje consegui me redimir. Sobre o carro eu não tenho nem o que dizer, estava muito bom. Colocamos a Renault novamente no topo do pódio e eles vêm para terminar o ano muito forte e para começar 2016 com mais força ainda comentou Carbone.

A corrida foi agitada para os demais piloros. Logo após a largada, na freada da curva 1, Felipe Tozzo acertou o carro de Rubens Barrichello, que acabou tocando em Gabriel Casagrande. Os dois foram parar fora da pista e o piloto vencedor da prova de sábado teve que abandonar a prova. Já Barrichello voltou para a pista com o carro danificado. Aguentou até a 14ª volta, quando o motor começou a esquentar.

A decisão do Brasileiro de Marcas fica para a última etapa, que será realizada em 13/12 no Autódromo de Interlagos, São Paulo.