NOTÍCIAS

Equilíbrio entre as marcas

17/03 de 2016 - 12:20

Em 79 corridas e cinco temporadas de história, a Copa Petrobras tem uma boa distribuição de vitórias entre as fabricantes

A Copa Petrobras de Marcas está prestes a iniciar a sexta temporada de sua história, nos dias 9 e 10 de abril no circuito do Velopark, em Nova Santa Rita (RS). E a cada campeonato que se inicia, as expectativas aumentam seja na disputa pelo título entre os pilotos, seja na briga dos números entre as marcas envolvidas.

Embora não haja um claro cenário de domínio – o que é positivo para a categoria – a Copa Petrobras de Marcas apresenta ciclos de tempos em tempos. Um exemplo disso aconteceu em 2015, em que todas as cinco fabricantes envolvidas venceram pelo menos uma corrida. 

Outro ponto  é que o fator de dominância é extremamente relativo. A Renault, que estreou em 2015 na categoria, foi a maior vencedora com oito triunfos em 16 corridas. Mas a marca que levou o título foi a Honda.

Nas 79 corridas realizadas entre 2011 e o final de 2015, a Honda apresenta-se como a maior vencedora entre as fabricantes. São 24 vitórias, uma marca de respeito, porém muito próxima de ser alcançada: Chevrolet e Toyota aparecem empatadas dividindo o segundo lugar com 21 cada – apenas três a menos que a líder.

A Renault, sensação da temporada passada com seus 50% de aproveitamento, já aparece em terceiro nas estatísticas com oito, ultrapassando a Ford, que soma quatro vitórias. A Mitsubishi, que esteve na Copa Petrobras de Marcas entre 2011 e 2014, conquistou uma.

Números e estatísticas que poderão sofrer uma verdadeira reviravolta com a temporada que se inicia no próximo mês.