NOTÍCIAS

“É um momento especial para a Renault”

22/04 de 2015 - 11:30

Marca francesa retorna ao automobilismo brasileiro e escolhe a Copa Petrobras de Marcas para colocar o Fluence na disputa contra os melhores sedãs médios do país

Quem acompanha a Copa Petrobras de Marcas percebeu um “rosto novo” no grid da competição que reúne os principais sedãs médios vendidos no país. Disputando posições contra Honda Civic, Toyota Corolla, Chevrolet Cruze e Ford Focus no mercado, o Renault Fluence entra para o embate também nas pistas. O projeto de trazer a marca francesa de volta às competições no Brasil pela primeira vez desde 2006 após o grande sucesso da Fórmula Renault foi conduzido pelo diretor de Comunicação da fabricante, Carlos Henrique “Caíque” Ferreira, que conta os motivos, os objetivos e os planos da Renault com seu envolvimento no automobilismo.

“É um momento muito especial para a Renault, que tem o automobilismo em seu DNA. Para a Renault no Brasil, que é o segundo maior mercado para a marca no mundo desde 2011, é mais uma oportunidade de aumentar a visibilidade e o nível informação, ajudando a compor o que é a Renault, cativando o público que gosta de automobilismo”, afirmou.

Para uma marca que está intrinsecamente ligada ao histórico do esporte a motor nacional – a primeira corrida da vida de Emerson Fittipaldi, ainda na década de 60, foi disputada a bordo do Renault que era usado por sua mãe – é uma oportunidade e tanto. E a escolha pela Copa Petrobras de Marcas veio de maneira natural.

“Nossa opção foi pelo Marcas, porque o conceito traz muito proximidade ao carro de rua. O cliente o vê na pista e se identifica com o que tem na garagem, pois as carrocerias são parecidas e as alterações feitas nos carros de corrida mantêm a identidade do modelo. E isso é um grande ponto a favor da categoria. É um campeonato consolidado e no qual estão presentes grandes marcas. E corremos contra concorrentes do segmento do nosso Fluence. Para nós é muito importante que neste nicho extremamente competitivo haja esta forma de trazer visibilidade para o produto, e também obviamente utilizar o evento para fortalecer a marca com os conceitos de tradição e esportividade para o Fluence”, disse.

Parte desta estratégia foi avalizada também com a chegada de Rubens Barrichello ao campeonato – o atual campeão da Stock Car dará duplo expediente no Velopark. “Foi fruto da grande parceria com a Vicar, e por isso fechamos com times de ponta e com pilotos como o Rubinho. São times e pilotos que estão à altura do que queremos, que é começar de forma competitiva, e estamos muito bem aparelhados”, disse.

A Copa Petrobras de Marcas proporciona às fabricantes envolvidas grandes oportunidades de marketing, comunicação e relacionamento com clientes, distribuidores e entusiastas das marcas. “O retorno foi muito positivo. Todos usaram o evento, gostaram da promoção e ficaram bem satisfeitos”, concluiu.